Ir para o conteúdo
warning sign

Interseção

As colisões em cruzamentos são um dos tipos mais comuns de problemas de colisões, principalmente em áreas urbanas. Em áreas rurais, ou onde as velocidades dos veículos são altas, as consequências das colisões nos cruzamentos podem ser particularmente graves.

As chances de evitar ferimentos graves ou morte reduzem drasticamente acima de 50 km/h para impactos laterais para os tipos de carros mais modernos, e é muito menor do que para veículos mais antigos, e particularmente para usuários vulneráveis da estrada.

Vários tipos diferentes de acidentes em cruzamentos podem ocorrer, incluindo:

  • Colisões com pedestres e ciclistas.
  • Colisão entre veículos que se aproximam e motocicletas, principalmente quando se está virando no trânsito.
  • Colisões em ângulo reto, onde nenhum veículo ou motocicleta está realizando conversão (geralmente ocorrendo em alta velocidade).
  • Colisões em ângulo reto ou lateral em que um ou mais veículos ou motocicletas estão realizando conversão.
  • Colisão traseira.

Fatores típicos que podem aumentar o risco de colisão em cruzamentos incluem:

  • Velocidades inapropriadas
  • Falta de passeios, travessias de pedestres e infraestrutura para ciclistas.
  • Falta de tratamentos como sinalização e rotatórias.
  • Distância de visão inadequada aos veículos que se aproximam.
  • Falta de visibilidade na interseção, incluindo a falta de iluminação pública (os usuários da estrada não estão cientes do cruzamento).
  • Baixa resistência à derrapagem do pavimento.
  • Ausência de lacunas no trânsito.
  • Fadiga do motorista/piloto
  • Uso de álcool/drogas/medicação
  • Distração, incluindo desatenção devido ao uso do telefone celular.
  • Erros de ultrapassagem, incluindo mau julgamento da velocidade do veículo que se aproxima.
  • Falta de dispositivos de segurança do veículo.
  • Mau estado dos pneus, luzes e freios do veículo.

Imagens Relacionadas

LinkedIn
pt_BRPortuguese